segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Polícia para quem precisa de polícia



 
Publicado em 29 de fev de 2016
Lula afirma que não vai comparecer a depoimento sobre o tríplex no Guarujá. No Ministério da Justiça, no lugar de José Eduardo Cardozo entra o promotor de Justiça Wellington César Lima e Silva. Cardozo agora vai para AGU. Acompanhe o 'Sem Edição' com Reinaldo Azevedo.


Lula vai à Justiça para evitar condução coercitiva

Silvia Izquierdo - 3.dez.2015/Associated Press
O ex-presidente Lula durante encontro no Rio com o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB)
O ex-presidente Lula durante encontro no Rio com o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB)

29/02/2016 18h07

O ex-presidente Lula entrou com um HC (habeas corpus) preventivo nesta segunda (29) no TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) para evitar ser conduzido coercitivamente ao Ministério Público Estadual. 

Lava Jato apura se Lula recebeu vantagens indevidas durante mandato

petrolão


Jorge Araújo/Folhapress
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na reunião do Conselho Político do PT (Partido dos Trabalhadores), em São Paulo, nesta segunda
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em reunião do Conselho Político do PT



Em manifestação enviada ao STF (Supremo Tribunal Federal), a força-tarefa da Operação Lava Jato informou que apura se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu vantagens indevidas "durante seu mandato presidencial". 

BC bloqueia R$ 32 mi do marqueteiro João Santana e de Mônica Moura

petrolão

Heuler Andrey/Folhapress

CURITIBA,PR, BRASIL, 23.02.2016 - CHEGADA DE JOAO SANTANA NO PR: Monica Moura, esposa de Joao Santana preso na 23 fase da Operacao Lava-Jato denominada de Acaraje chega no IML em Curitiba-PR para realizar exame do corpo de delito. Foto: Heuler Andrey/FolhaPress PODER ***Exclusivo*** - Mônica Moura
Mônica Moura e João Santana após serem presos na 23ª fase da Operação Lava Jato

29/02/2016 19h17

O Banco Central bloqueou R$ 32 milhões em contas do casal João Santana e Mônica Moura, detido na semana passada na Operação Lava Jato. 

Saída de Cardozo coloca em risco permanência de diretor-geral da PF










Pedro Ladeira/Folhapress
BRASILIA, DF, BRASIL, 27-01-2016, 16h00: Os ministros Aloizio Mercadante (Educação) e Jose Eduardo Cardozo (Justiça) durante Solenidade de Lançamento do PAR/2016, programa de ações articuladas de combate à crimes contra educação, no MEC. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress, PODER)
O ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) durante evento no Ministério da Educação

Mesmo que a saída do ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) do cargo tenha colocado em risco a permanência de Leandro Daiello à frente da direção-geral da Polícia Federal, ele permanecerá no cargo da PF. 

Lula e a Justiça | Marco Antonio Villa | Jovem Pan

 
Publicado em 29 de fev de 2016
A festa de comemoração de fundação do PT no último fim de semana foi um tanto melancólica. Lula aproveitou as festividades para atacar, ao seu estilo, a imprensa, o Ministério Público e o poder judiciário, na figura de Sergio Moro. Para Marco Antonio Villa, a grande questão é que o ex-presidente está morrendo de medo. Confira a análise completa do comentarista de política da Jovem Pan no vídeo. 
 
 

Obras no sítio em Atibaia custaram mais de R$ 1 milhão


petrolão

Jorge Araujo/Folhapress
 
Área da piscina do sítio em Atibaia


 As obras no sítio em Atibaia (SP) frequentado pela família do ex-presidente Lula custaram mais de R$ 1 milhão, em valores atualizados, segundo fornecedores de materiais e serviços ouvidos pela Folha, pelo Ministério Público de São Paulo e interlocutores de uma construtora que trabalharam no local a partir do fim de 2010, quando Lula ainda era presidente.

Lula prioriza sua defesa e a do PT e vê Dilma em 2º plano

Ernesto Rodrigues - 13.out.2015/Folhapress
A presidente Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva durante congresso da CUT em São Paulo
A presidente Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva durante congresso da CUT em São Paulo

No momento de maior afastamento da presidente Dilma Rousseff, Luiz Inácio Lula da Silva fez chegar à sucessora o recado de que pretende se concentrar em sua defesa pessoal e na reconstrução da imagem do PT, deixando em segundo plano a advocacia do governo. 

domingo, 28 de fevereiro de 2016

Executivos da Odebrecht e da OAS estudam aderir à delação premiada

mônica bergamo Diretores e ex-executivos da Odebrecht estudam aderir a acordos de delação premiada para evitar condenações duras da Justiça. 

Lula se defende de acusações e diz que terá sigilos quebrados


brasil em crise

MauroPimentel/Folhapress 

27/02/2016 21h43 - Atualizado em 28/02/2016 às 00h04

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva usou seu discurso na festa de aniversário de 36 anos do PT neste sábado (27) no Rio para fazer sua primeira defesa pública sobre as suspeitas de ter sido favorecido por empreiteiras em imóveis no interior e no litoral de São Paulo. O petista tentou se desvincular das duas propriedades investigadas e atacou o Ministério Público e a Polícia Federal.

Em uma semana, 40 deputados trocam de partido na Câmara




Renato Costa - 24.fev.2016/Folhapress
O deputado federal Jair Bolsonaro, que migrará do PP para o PSC
O deputado federal Jair Bolsonaro, que migrará do PP para o PSC

28/02/2016 02h00

 A primeira semana da temporada de troca-troca partidário na Câmara dos Deputados registra mais de 40 migrações de deputados entre as legendas, já confirmadas ou em estado final de negociação. Em várias delas, o principal atrativo é a oferta ao deputado do controle de fatia do fundo partidário, a verba pública que será daqui em diante a principal fonte de recursos das campanhas eleitorais.

sábado, 27 de fevereiro de 2016

Nova delação explosiva ainda em sigilo seria uma 'das melhores' da Lava Jato


mônica bergamoO Ministério Público Federal está festejando uma nova delação premiada feita recentemente em Brasília. Ela seria, nas palavras de procuradores, uma "das melhores" já obtidas até agora no âmbito da Operação Lava Jato.

Lula afirma que Bumlai ofereceu reforma em sítio

petrolão



Carlos Nardi/WPP/Folhapress
Vista aérea do sítio frequentado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na cidade de Atibaia, no interior de SP, nesta sexta-feira
Vista aérea do sítio frequentado pelo ex-presidente Lula na cidade de Atibaia

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirma que a reforma do sítio em Atibaia (SP) frequentado por ele e sua família foi "oferecida" pelo pecuarista José Carlos Bumlai, seu amigo pessoal, preso há quatro meses na Operação Lava Jato. 

Intimado para novo depoimento, Lula pede ao STF para trancar investigações

petrolão


Silvia Izquierdo - 3.dez.2015/Associated Press
O ex-presidente Lula durante encontro no Rio com o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB)
O ex-presidente Lula durante encontro no Rio com o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB)

Após ser intimado para prestar um novo depoimento ao Ministério Público de São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recorreu nesta sexta-feira (26) ao STF (Supremo Tribunal Federal) para suspender investigações do promotor Cássio Conserino e da força-tarefa da Lava Jato que apuram suposto favorecimento de empreiteiras ao petista. 

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Gilmar pede investigação de empresas que atuaram na campanha de Dilma

O ministro do STF, Gilmar Mendes, durante entrevista em seu gabinete à Folha Leia mais

Vice-presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o ministro Gilmar Mendes enviou nesta sexta-feira (26) um pedido para que sete empresas que prestaram serviços para a campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT) sejam investigadas em várias frentes, como Ministério Público Federal e Polícia Federal.

Cardozo pensa de novo em deixar o governo


mônica bergamo O ministro José Eduardo Cardozo, da Justiça, voltou a pensar em deixar o governo. 

Para Procuradoria, Santana sabia que recursos eram desviados da Petrobras

petrolão

Heuler Andrey/Folhapress
Anterior Próxima
O marqueteiro João Santana, preso na 23ª fase da Operação Lava Jato, deixa a sede no IML após exame de corpo de delito, em Curitiba
Os procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato afirmam pela primeira vez, em ofício à 13ª Vara Federal de Curitiba, que o publicitário João Santana e sua mulher Mônica Moura tinham "plena consciência" de que receberam recursos oriundos de crimes contra a Petrobras. 

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Villa: "A oposição acordou"

Publicado em 25 de fev de 2016
O historiador Marco Antonio Villa comenta sobre os avanços da Operação Lava Jato e argumenta que não faltam mais motivos para o impeachment da presidente Dilma Rousseff. Assista.


 

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Humberto Costa vai substituir Delcídio na liderança do governo no Senado


Congresso Nacional


Pedro Ladeira/Folhapress
BRASILIA, DF, BRASIL, 11-11-2014, 12h00: Agenda do Presidente em exercício Michel Temer, no Palácio do Planalto. Temer recebeu diversas lideranças do PT e do PMDB para reuniões. Na foto o senador Humberto Costa (PT-PE). (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress, PODER)
Humberto Costa (PT-PE) substitui Delcídio do Amaral (PT-MS) na liderança do governo no Senado

O ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, assinou nesta quarta-feira (24) ato nomeando o senador Humberto Costa (PT-PE) como novo líder do governo no Senado, substituindo o senador Delcídio do Amaral (PT-MS). 

Nas redes, filho de Lula investigado na Zelotes ataca de Moro a Cunha



operação zelotes


Reprodução/TV UOL
Luís Cláudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula
Luís Cláudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula

24/02/2016 12h00

 Investigado pela Operação Zelotes por ter recebido R$ 2,4 milhões de um lobista acusado de participar de um esquema de compra de medidas provisórias, Luís Claudio Lula da Silva faz das redes sociais sua trincheira.

João Santana vai admitir que recebeu ilegalmente no exterior


petrolão


23.fev.16/AFP
Brazilian President Dilma Rousseff and former Brazilian President (2003-2011) Luiz Inacio Lula Da Silva's campaign publicist Joao Santana (R) is arrested upon his arrival in Sao Paulo, Brazil o February 23, 2016. Political consultant Santana was being investigated by the Brazilian justice for receiving payments outside the country which could come from Brazilian state-run oil company Petrobras' briberies. AFP PHOTO / STR ORG XMIT: BRA101
O marqueteiro João Santana, após ser preso na Operação Lava Jato

O publicitário João Santana, que se entregou à Polícia Federal na manhã desta terça-feira (23) em São Paulo, vai confessar que recebeu recursos irregulares no exterior, segundo a Folha apurou.

Bilhete de mulher de marqueteiro preocupa governo e PT

petrolão

Reprodução

Bilhete de Mônica Moura apreendido pela Polícia Federal
Bilhete de Mônica Moura apreendido pela Polícia Federal

Uma das maiores apreensões do governo Dilma e do PT em relação à nova fase da Lava Jato é a situação da mulher de João Santana, Mônica Moura, por causa do bilhete enviado ao lobista Zwi Skornicki dando orientações sobre como enviar pagamento a ela no exterior. 

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

'É hora de o Senado saber o que Delcídio tem a dizer', diz Renan


petrolão

Pedro Ladeira - 26.mai.2015/Folhapress

BRASILIA, DF, BRASIL, 26-05-2015, 20h00: O líder do governo senador Delcidio Amaral (PT-MS). Plenário do Senado federal, sob a presidência do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), durante votação da MP 665, do ajuste fiscal. Integrantes da força sindical ocupam as galerias protestando contra a aprovação da medida. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress, PODER)
Delcídio do Amaral (PT-MS), ex-líder do governo no Senado, em sessão em 2015



O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), defendeu nesta terça-feira (23) o retorno do senador Delcídio do Amaral (PT-MS) ao Senado, após ter passado quase três meses preso, para que os demais senadores possam "ouvi-lo e saber o que ele tem a dizer". 

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

O 'chefe' e a 'madame'


Publicado em 22 de fev de 2016
As mensagens em que os empreiteiros falam das exigências de Lula e Marisa Letícia nas reformas do sítio em Atibaia e do tríplex no Guarujá. Confira os destaques da edição de VEJA no 'Última Edição'.



Vera Magalhães: 'Cunha não é gato para ter sete vidas'

Publicado em 22 de fev de 2016
Carlos Graieb e Vera Magalhães analisam os acontecimentos políticos mais importantes da semana e comentam a eleição do novo líder do PMDB na Câmara. Em pauta, o rebaixamento da nota do Brasil como bom pagador e a libertação do senador Delcídio do Amaral da cadeia. 

Governo faz cortes, mas a economia vai de mal a pior


Publicado em 22 de fev de 2016
Governo corta R$23,4 bilhões no Orçamento e vê retração maior do PIB, de 2,9%. Netflix disponibiliza dez episódios da primeira temporada de LOVE. Acompanhe o 'Giro VEJA'.




Villa: 'Lula é um zero à esquerda'


Publicado em 18 de fev de 2016
O historiador Marco Antonio Villa pontua que o ex-presidente Lula está ainda mais enfraquecido politicamente devido a sucessão de escândalos envolvendo seu nome. Na pauta, a eleição do novo líder do PMDB na Câmara. Acompanhe a conversa com o colunista Augusto Nunes.



domingo, 21 de fevereiro de 2016

Na volta ao Senado, Delcídio dirá que foi vítima de 'armadilha'


petrolão




sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Teori libera denúncia contra Cunha na Lava Jato para julgamento


petrolão

Cunha durante entrevista em que nega acusações de Júlio Camargo de ter recebido US$ 5 milhões em propina

Relator da Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal), o ministro Teori Zavascki liberou nesta sexta-feira (19) a denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por suspeita de envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras, para ser analisada pelo plenário do tribunal.

Brasif diz que FHC 'não teve participação' na contratação de ex-amante


mônica bergamo A Brasif S.A. Exportação e Importação confirma oficialmente que contratou a jornalista Mirian Dutra em 2002 "para realizar pesquisas sobre preços em lojas e free shops na Europa".

Moro ironiza João Santana ao negar acesso a investigação

petrolão

Marcelo Justo - 18.ago.10/Folhapress

SÃO PAULO, SP, BRASIL, 18-08-2010: João Santana, marqueteiro de Dilma Rousseff, presidente da república e candidata a reeleição pelo PT (Partido dos Trabalhadores), acompanhando o debate eleitoral, no teatro Tuca, em São Paulo (SP). (Foto: Marcelo Justo/Folhapress)
O marqueteiro João Santana durante a campanha de 2010

19/02/2016 02h00

O juiz Sergio Moro negou acesso aos advogados de João Santana aos autos da investigação sobre pagamentos realizados pela Odebrecht ao marqueteiro, responsável pelas campanhas presidenciais de Lula (2006) e Dilma Rousseff (2010 e 2014).

Ministro do STF revoga prisão do senador Delcídio do Amaral

mônica bergamoO ministro Teori Zavascki revogou a prisão do senador Delcídio do Amaral. 

A decisão foi proferida agora há pouco. 

Zavascki se baseou em pedido do advogado Maurício Leite, do escritório Tosto Advogados. 



Mobilização do governo contra aedes teve cenário maquiado no DF

Prestem bem atenção nessa história e me respondam: esse governo petista não é de apavorar? Não basta o medo o tal do zika vírus, o governo está querendo jogar nos ombros da sociedade a negligência dele. 

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Antena perto de sítio foi um 'presente' da Oi para Lula


terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Cunha é notificado sobre pedido de afastamento e tem 10 dias para defesa


petrolão



O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, concede entrevista no Salão Verde do Congresso Nacional, em Brasília

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foi notificado na manhã desta terça-feira (16) sobre o pedido feito pela Procuradoria-Geral da República ao Supremo Tribunal Federal para que ele seja afastado do cargo e do mandato. 

Como a campanha de Dilma fez o TSE lavar mais branco

 
Publicado em 15 de fev de 2016
Carlos Graieb analisa os frágeis argumentos da defesa da chapa Dilma-Temer à Justiça Eleitoral. Em pauta no 'Sem Edição', também o adiamento da tesourada do governo no Orçamento.


Uma torre para o rei

Publicado em 15 de fev de 2016
O colunista Reinaldo Azevedo comenta a instalação de uma torre de celular próximo ao sítio 'frequentado' pelo ex-presidente Lula. A benfeitoria garante cobertura de celular privilegiada na região. Conselho do PT que tenta transforma Lula em vítima também é tema da conversa entre Reinaldo Azevedo e Carlos Graieb. Assista



Como a campanha de Dilma fez o TSE lavar mais branco

 
Publicado em 15 de fev de 2016
Carlos Graieb analisa os frágeis argumentos da defesa da chapa Dilma-Temer à Justiça Eleitoral. Em pauta no 'Sem Edição', também o adiamento da tesourada do governo no Orçamento.



Sexo... E você não tem nada com isso


 
Na revolução de costumes da geração Z, elas e eles se dizem "neutros"e a "sexualidade é fluida". Confira os destaques da edição de VEJA no Última Edição.

 

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Por CPMF e Previdência, Dilma fará apelo a líderes do Senado e da Câmara


brasil em crise

Na tentativa de destravar no Congresso Nacional medidas do ajuste fiscal, a presidente Dilma Rousseff pedirá a senadores e deputados que acelerem a tramitação de iniciativas de interesse do governo federal.

Advogados de peso entram em caso de sítio frequentado por Lula


mônica bergamo A equipe que assessora o ex-presidente Lula está consultando advogados de peso para se incorporarem ao caso do sítio que ele frequenta, em Atibaia. A ideia é formar um grupo sênior, com profissionais tarimbados e que estão acostumados a fazer não apenas o enfrentamento jurídico, mas também midiático e político de casos de grande repercussão. 

Lava Jato vê indício de repasse da Odebrecht a marqueteiro ligado ao PT


petrolão

A força-tarefa da Operação Lava Jato investiga pagamentos atribuídos a subsidiárias da Odebrecht em contas, no exterior, controladas pelo marqueteiro João Santana, responsável por campanhas do PT e da presidente Dilma Rousseff. A apuração envolve as finanças dele em diversos países, entre eles a Suíça.

Para economistas, governo abandonou a meta fiscal deste ano


brasil em crise




Índices de empresas brasileiras em painel na Bovespa, em São Paulo (SP); enquanto o PIB caiu 1,7% no terceiro trimestre deste ano na comparação aos três meses imediatamente anteriores, os investimentos tiveram queda de 4%. Leia mais

O adiamento do anúncio no corte do Orçamento e as notícias de que o governo pretende adotar regras mais flexíveis para cumprir a meta de superavit primário prejudicaram ainda mais a credibilidade da equipe econômica. 

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Família Lula e o Movimento dos Sem-Sítio

Publicado em 11 de fev de 2016
O historiador Marco Antonio Villa comenta a tentativa desesperada de Lula para explicar o sítio que sua família usava: "Todos os álibis que Lula construiu sobre o sítio o Carnaval derrubou". Acompanhe o 'Sem Edição', com Silvio Navarro.


O Carnaval dos irresponsáveis fiscais


Publicado em 10 de fev de 2016
O diretor de Redação de VEJA.com, Carlos Graieb, comenta a manobra do governo para usar recursos do Banco Central para pagar as pedaladas fiscais. Acompanhe o 'Sem Edição'.


Ao TSE, Dilma e Temer alegarão que acusações do PSDB são temerárias

 Apesar de estremecidos politicamente, a presidente Dilma Rousseff e seu vice, Michel Temer, apresentarão a mesma linha de defesa no principal pedido de cassação contra os dois em discussão no TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Lula diz que está numa gincana com golpes abaixo da linha da cintura


mônica bergamoLula está se sentindo no meio de "uma gincana". Para o ex-presidente, a Polícia Federal e o Ministério Público Federal estão divididos, engalfinhados em tradicionais disputas internas. E ele virou o prêmio que todos querem exibir como trunfo. 

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Até quando Lula vai fugir da verdade?/ Villa / JP

Publicado em 10 de fev de 2016
Passou o Carnaval e o ex-presidente Lula vai ter muitas perguntas para responder. Não é só sobre o tríplex do Guarujá, mas com o sítio em Atibaia e agora com as investigações autorizadas pelo juiz Sérgio Moro especificamente sobre esse imóvel, as ligações com a OAS, com outras empreiteiras e com a operação Lava Jato. Veja a análise completa sobre a situação de Lula com o comentarista de política da Jovem Pan, Marco Antonio Villa.

A CASSI É SUA - GIF

A CASSI É SUA - GIF

Juiz autoriza PF a abrir inquérito sobre sítio frequentado por Lula


petrolão



O juiz federal Sergio Moro autorizou a Polícia Federal a abrir um inquérito específico para tratar da suposta relação do sítio de Atibaia (SP) frequentado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a empreiteira OAS e outras empresas e pessoas investigadas na Operação Lava Jato. 

domingo, 7 de fevereiro de 2016

Aliados cobram que Lula dê sua versão sobre Atibaia para poder sair em sua defesa

PAINEL

Compasso de espera Desde que o sítio em Atibaia e o tríplex em Guarujá passaram a atormentar Lula, aliados e militantes de esquerda se perguntam quando o ex-presidente falará. Querem que ele una a tropa, ditando o argumento para sua defesa nas ruas. Mas amigos aconselham o petista a só se posicionar publicamente depois que Fernando Bittar e Jonas Suassuna, donos do terreno em Atibaia, derem suas explicações. Qualquer declaração divergente pode servir para desgastá-lo ainda mais.

Lei assinada por Lula abriu frente de negócios para sócio de seu filho

Uma lei assinada pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva em maio de 2010 estimulou uma nova linha de negócios de um dos donos do sítio frequentado pelo petista em Atibaia (SP)

sábado, 6 de fevereiro de 2016

Filho de Lula recebeu do Corinthians sem prestar serviços, diz cartola

operação zelotes

Alvo da Operação Zelotes, Luis Cláudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, recebeu cerca de R$ 500 mil entre 2011 e 2013 do Corinthians sem ter desempenhado função no clube, segundo relatos feitos à Folha.

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Cientistas encontram os culpados pela calvície

Preocupado com os cabelos cada vez mais rarefeitos e a perspectiva de se tornar careca? Ainda não dá para dizer que seus problemas acabaram, mas ao menos há um culpado mais claro para a jornada rumo à calvície: as células-tronco. 

Nome da operação 'Triplo X' gera desconforto entre investigadores


mônica bergamo O batismo da operação que investiga o prédio em Guarujá em que Lula compraria um apartamento tríplex gerou desconforto entre integrantes da Operação Lava Jato. Nem todos os investigadores concordaram com a iniciativa de chamá-la de "Triplo X", expressão que remete diretamente ao fato de o ex-presidente ter negociado uma unidade no local. 

Lula é aconselhado a admitir que reforma de sítio foi um 'presente'


petrolão

Jefferson Coppola/Revista Veja

ATIBAIA, SP, BRASIL, 21-04-2015: Imagem aerea do Sitio Santa Barbara (Estrada do Clube da Montanha, 4.891, bairro Portao), apontado por vizinhos como sendo do ex presidente Luis Inacio Lula da Silva. (Foto Jefferson Coppola/Revista Veja) ***FOTO EMBARGADA, consultar Fotografia, foto com custo alto*** ***DIREITOS RESERVADOS. NÃO PUBLICAR SEM AUTORIZAÇÃO DO DETENTOR DOS DIREITOS AUTORAIS E DE IMAGEM***
Sítio frequentado por Lula em Atibaia (SP)

05/02/2016 02h00

Atingido pela maior crise desde que deixou a Presidência, Luiz Inácio Lula da Silva está sendo aconselhado por aliados e integrantes do governo Dilma Rousseff a adotar oficialmente a tese de que "recebeu de presente" a reforma feita no sítio que frequenta em Atibaia (SP). 

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

TSE notifica Dilma a apresentar defesa contra pedido de cassação


 A presidente Dilma Rousseff foi notificada a apresentar defesa em uma das ações que pedem a cassação de seu mandato e do vice-presidente Michel Temer.
 O atual presidente do STJ (Superior Tribunal de Justiça), Francisco Falcão, foi chamado de "mau-caráter" por um outro ministro em uma sessão marcada por troca de ofensas.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Cunha diz que não deixa comando da Câmara nem se virar réu no STF

petrolão

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), voltou a afirmar no fim da tarde desta quarta-feira (3) que vai continuar no cargo sob "qualquer circunstância".

Questionado sobre a decisão do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Teori Zavascki, que afirmou nesta terça (2) a intenção de julgar primeiro a abertura de denúncia contra o peemedebista por suposto envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras, antes de analisar o pedido de afastamento de Cunha da presidência da Casa.

"Já fui réu quando era líder do PMDB. Me tornei réu sob a relatoria de Gilmar Mendes e fui absolvido na sequência. Tem vários que estão aqui que são réus. Eu espero que não possa ser aceita a denúncia, inclusive há uma discussão jurídica que vai ser posta lá. O fato de aceitar a denúncia não significa que eu sou condenado. Acredito que possa não ser aceita porque meus argumentos são muito fortes. Vou continuar em qualquer circunstância".

Enquanto respondia a perguntas de jornalistas, Cunha voltou a ser alvo de uma manifestação de uma já conhecida adversária política, a deputada Clarissa Garotinho (PR-RJ), que gritou "Fora Cunha", "devolve o dinheiro da Suíça" e "o nosso povo merece respeito". Cunha chegou a se atrapalhar no início do protesto da deputada, mas seguiu como se nada ocorresse.

Seguranças tentaram retirá-la do Salão Verde, ao que ela contestou, afirmando ser parlamentar, e continuou com o protesto. "Se eu fosse me preocupar com uma manifestação solitária, não estaria exercendo a vida pública. É para isso. Ainda bem que são só solitárias", comentou Cunha.

O peemedebista também falou sobre a convocação, pelo presidente do Conselho de Ética, José Carlos Araújo (PSD-BA), de uma reunião do colegiado nesta quarta. Para aliados de Cunha, há irregularidades na marcação da reunião, a começar por nem todos os membros terem sido avisados.

Um deles, o deputado Paulinho da Força (SD-SP), que é um dos mais empenhados defensores de Cunha na Casa, disse que até por volta das 17h não havia sido avisado de nenhuma reunião. Afirmou que a sessão teria todas as condições de ser anulada novamente.

"O presidente do Conselho parece agir a meu favor e acaba me prejudicando. Basta ele obedecer ao Regimento. Na medida que ele age assim, age para que o processo seja livrado de imunidade, acabe sendo retornado, e ele possa permanecer na mídia e acaba como manobra minha. Se alguém não cumpre o regimento, deveria ser cobrado por não cumprir o regimento. Vou perder meus direitos regimentais, vou atropelar o meu processo legal para fazer valer aquilo que alguém acha melhor porque com isso você desobedece o regimento?", questionou o deputado.

A reunião do Conselho de Ética desta quarta ainda está em suspenso. Araújo convocou o encontro para depois da sessão do plenário, que começou por volta das 18h. Cunha pretende votar três medidas provisórias polêmicas, o que não tem horário para terminar.

Íntegra do depoimento de José Dirceu em Curitiba


Publicado em 1 de fev de 2016
José Dirceu deu seu depoimento na sexta-feira em Curitiba, ao juiz Sérgio Moro e aos procuradores da Lava-Jato. Veja aqui na íntegra.